Fale um idioma como sempre sonhou

Aprenda idiomas como nunca. Baixe o aplicativo gratuitamente!

Escolha um idioma – a primeira lição de cada curso é grátis!

*Phrasal Verbs*, muito prazer!

Os falantes nativos de inglês usam muito os Phrasal Verbs. Quer melhorar o seu inglês? Aprenda como usá-los sem fazer confusão!

Escrito por Nuno Marques

Phrasal verbs: eles tornam a vida dos falantes nativos de inglês bem fácil, e a nossa um pouco mais difícil. Expressões como "She shut me up" ou "He shut me out of the conversation", ou "I’ll drop by later*" são ocorrências comuns no inglês. Falantes nativos têm a sorte de já saberem de cor e salteado, já que tiveram contato com esses verbos desde criança, mas elas podem confundir a cabeça de quem ainda está aprendendo o idioma. É fácil mess up (bagunçar) o seu inglês quando você usa os phrasal verbs.

Vamos então conhecer essas combinações poderosas de duas ou três palavras? Elas consistem em um verbo seguido por um advérbio ou preposição (as partículas adverbiais mais usadas são: at, away, down, in, off, on, out, over, round, up). Por exemplo cut – se você adicionar um up, um off ou, até mesmo, out ou in, é o suficiente para mudar todo o sentido da frase. É importante lembrar: por causa da mudança de sentido no verbo, é preciso aprender essa combinação como uma nova palavra (cut significa cortar, mas cut up significa corta em pequenos pedaços ).

Ainda confuso? Vamos descobrir algumas características importantes dos phrasal verbs para poder investigar sua gramática e sort this out (resolver isso).

Verbos separáveis (transitivos)

Alguns phrasal verbs são separáveis, você pode trocar a posição do advérbio ou da preposição e não vai alterar o significado. Também é possível colocar um objeto entre as partes, mas os pronomes sempre têm de estar no meio, turn it off e não turn off it. Vamos experimentar mais:

If you want some silence, you can turn off the radio or turn the radio off.

If you want to throw a dinner party, you can set up the dining room or set the dining room up — with plates, cutlery and maybe even some candles.

Os phrasal verbs separáveis são tipo aquele cunhado relaxado da família, que sempre está de boa e preparado para tentar fazer algo de jeitos diferentes – aquele cara que nunca critica os seus esforços e nunca reclama se você fez algo de errado.

Mas, nem sempre este é o caso.

Verbos inseparáveis (transitivos)

Alguns dos phrasal verbs são inseparáveis – eles sempre andam de mãos dadas e cada parte não pode ser movida de lugar.

Um bom exemplo é go over, que significa revisar algo, ou get over, que significa superar uma decepção ou doença. Você não pode incluir nenhuma palavra entre eles, apenas depois do verbo e de sua partícula.

Por exemplo, você pode take care of my daughter (cuidar da minha família), enquanto estou fora – mas não pode take of my daughter care.

Você pode dizer I ran into a friend yesterday, se você o encontrou inesperadamente, mas você não pode dizer ran a friend into.

Os phrasal verbs inseparáveis são como aquela tia super organizada que fica louca se o trem se atrasou ou o jantar não está pronto na hora certa. Ela sempre carrega a bolsa dela e nunca a esquece, como um verbo colado à sua partícula adicional.

Verbos intransitivos

(não seguidos de nenhum objeto)

Os phrasal verbs também podem ser intransitivos, uma vez que eles não são seguidos por um objeto. Aqui está um parágrafo com alguns exemplos:

*I might not have much money, but I get by (I manage to survive with little). When the sun rises, I get up (get out of bed). I work five days a week, save my money and once a month I eat out (enjoying a meal at a restaurant). Sometimes I go clubbing — I always manage to get in, since I’m friendly and polite. When I manage to save up (save some money), I run off (take a trip) to a nice sunny place and treat myself to an extended weekend of relaxation. Life is good!*

Esses verbos podem ficar sozinhos, você pode escrever uma frase curta, com sujeito, mas sem muitas explicações.

Imagine aquele tio hippie que vive em uma comunidade nudista e tem poucas coisas exceto seus livros e discos. Ele não tem acessórios, não precisa de uma carteira de motorista, não possui propriedades e não consegue entender por que os outros têm tantos bens. Direto ao ponto e sem frescuras – ele é o que você vê!

Verbos de três palavras (transitivo)

Mas e os phrasal verbs de três partes? Eles existem, sim – e talvez você já tenha ouvido falar deles antes. O parágrafo abaixo inclui alguns exemplos:

*My mother dropped out of school (she left school before graduating) but went back to finish her studies later in life. We had to cut down on expenses (reduce expenses) after both mom and dad lost their jobs — we simply could not spend as much money as before. I get along with my parents (we coexist harmoniously). And I look up to my uncle (I admire and respect him immensely). Sometimes we go on family picnics to catch up with each other (we ask each other what is happening in our lives). My uncle’s doctor told him to cut down on sugary treats (to not eat so many), but he makes up for it (he compensates) by riding his bike. He says pleasures are interchangeable and if you can’t have one, you can choose another!*

Esses verbos de três partes não são separáveis, portanto, você sempre vai encontrá-los juntos e seguidos de um objeto.

Imagine eles como aquele irmão sofisticado que você admira. Ele tem um mestrado em Literatura Francesa Contemporânea, um doutorado em Ciência Política e vai sempre saber mais do que você sobre tudo o que você possa imaginar. Por que usar uma palavra quando você pode usar três?

Então, como você deveria aprender esses verbos e evitar messing them up (lembrando que eles fazem a conversa bem mais informal do que um verbo regular)? Comece memorizando alguns deles e drop them into uma conversa sempre que você falar inglês. Sem pressa, e sem deixar de prestar atenção aos phrasal verbs que você ouvir dos falantes nativos de inglês. Se você look out for them, vai notar phrasal verbs o tempo todo!

Para recapitular (e estudar):

Partículas adverbiais: at, away, down, in, off, on, out, over, round, up

*She shut me up * – Ela me calou

Shut up – Calar

Shut – Fechar

He shut me out – Ele me deixou de fora

Shut out – Deixar fora

I’ll drop by later – Eu vou passar aí depois

Cut – Cortar

Cut up – cortar em pequenos pedaços

Cut off – Eliminar, suspender, interromper, isolar

Cut out– Eliminar, recortar

Cut in – Intervir

Sort this out – Resolver algo

*I might not have much money, but I get by (I manage to survive with little). When the sun rises, I get up (get out of bed). I work five days a week, save my money and once a month I eat out (enjoying a meal at a restaurant). Sometimes I go clubbing — I always manage to get in, since I’m friendly and polite. When I manage to save up (save some money), I run off (take a trip) to a nice sunny place and treat myself to an extended weekend of relaxation. Life is good!*

Tradução:

Eu talvez não tenha muito dinheiro, mas consigo viver com pouco. Quando o sol nasce, eu levanto. Eu trabalho cinco dias por semana, economizo meu dinheiro e uma vez por mês como fora. Às vezes eu vou a uma balada – sempre dou um jeito de entrar, uma vez que sou muito amigável e educado. Quando eu consigo economizar, fujo para um lugar ensolarado e me dou de presente um final de semana de lazer. A vida é boa!

*My mother dropped out of school (she left school before graduating) but went back to finish her studies later in life. We had to cut down on expenses (reduce expenses) after both mom and dad lost their jobs — we simply could not spend as much money as before. I get along with my parents (we coexist harmoniously). And I look up to my uncle ( I admire and respect him immensely). Sometimes we go on family picnics to catch up with each other (we ask each other what is happening in our lives). My uncle’s doctor told him to cut down on sugary treats (to not eat so many), but he makes up for it (he compensates) by riding his bike. He says pleasures are interchangeable and if you can’t have one, you can choose another!*

Tradução:

Minha mãe deixou a escola, mas voltou a estudar depois de velha. Nós tivemos que cortar nossas despesas depois que meu pai e minha mãe perderam seus empregos – nós simplesmente não podíamos gastar tanto dinheiro como antes. Eu me dou bem com meus pais e admiro meu tio. Às vezes nós vamos a piqueniques da família para saber das novidades de cada um. O médico do meu tio falou para ele cortar os doces, mas ele compensa isso andando de bicicleta. Ele diz que prazeres são mutáveis: se você não pode ter um, pode escolher outro!

Quer melhorar o seu inglês?

Experimente o aplicativo Babbel