O que significa “Excuse me” em inglês? Descubra essa expressão cheia de sentidos

Você sabe como usar “excuse me” em inglês? Rafa e Dani mais uma vez nos ajudam a entender a língua de Tio Sam, e explicam como usar essa expressão tão comum.
Author's Avatar
O que significa “Excuse me” em inglês? Descubra essa expressão cheia de sentidos

Rafa e Dani são dois queridos que não se cansam de nos surpreender com seu bom humor e jeitinho maneiro de trocar figurinhas sobre como melhorar o inglês. Learning a new language is all about exchanging knowledge, after all.

No quinto episódio da série Inglês que Cola, eles falam sobre o uso do Excuse me em inglês.

Os diversos usos da expressão Excuse me em inglês

  • Um dos usos mais comuns de Excuse me é para chamar a atenção de algúem antes de fazer uma pergunta, fazer um pedido ou pedir indicações, como nos exemplos que a Dani nos deu:

Excuse me, do you speak German? (Desculpe, você fala alemão?)

Excuse me, do you have a lighter? (Desculpe, você tem um isqueiro?)

Excuse me, is there a supermarket near here? (Desculpe, há um supermercado perto daqui?)

  • Excuse me é também a frase usada para pedir licença, quando se está tentando passar por uma área cheia de gente. Esta frase é, às vezes, abreviada verbalmente por ‘scuse me em situações bem informais e cotidianas:

‘Scuse me. Thank you! (Com licença. Obrigada!)

Excuse me, everyone, I have to get through with this cart. (Desculpem-me, pessoal, tenho que passar com este carrinho.)

  • Também usamos como uma expressão de cortesia que precede uma possível discordância ou uma pergunta perturbadora. É aquela maneira educada de se entrar em uma discussão sobre algo não muito confortável. Reparem que usamos a conjunção “but” para introduzir a preocupação ou objeção em questão:

Excuse me, sir, but didn’t you tell us to do that same exercise last class? (Desculpe, mas o senhor não nos disse para fazermos esse mesmo exercício na última aula?)

  • Ou ainda como um pedido para que alguém repita o que foi dito. É como um “desculpa aí, não te endendi!“. Lembrem-se que aumentamos o tom da voz no final desse Excuse me por ser uma pergunta:

 Where do you come from? (De onde você vem?)
– Excuse me?
(Como?)
– Where do you come from?! (De onde você vem?!)
– Ah! I come from Brazil. (Ah, Eu venho do Brasil.)

Excuse me? I’m sorry, I couldn’t hear you. (Você pode repetir? Não consegui ouvir você direito.)

  • Outro uso que causa dúvida é falar Excuse me como um pedido de desculpas, parecido com o I’m sorry. A diferença aqui é que usamos I’m sorry para pisadas de bola sérias, enquanto que o Excuse me é uma maneira educada de se desculpar por ter feito algo de errado, mas pequeno, sem muita seriedade, ou se desculpar por algo involuntário, como um espirro:

Oh, excuse me — I didn’t mean to use your pencil without asking first. (Oh, desculpe, não tive a intenção de usar o seu lápis sem perguntar primeiro.)

Atchoo! Oh, excuse me! (Atchim, me desculpe!)

  • Usamos essa expressão também como uma resposta de indignação, geralmente apresentada como uma pergunta em tom sarcástico:

Excuse me? How can you say something that hurtful to someone? (Oi? Como você pode dizer algo tão ofensivo para alguém?)

E aqui, outras formas de usar Excuse me que não estão no vídeo:

  • Usamos ainda a frase Excuse me quando precisamos corrigir um erro verbal, alguma coisa que falamos de errado. Vejam nesse exemplo:

We had 300, excuse me, 350 attendees at the party last night. (Nós tivemos 300, quero dizer, 350 participantes na festa de ontem à noite.)

  • Usamos Excuse me também como uma frase de desculpas por interromper alguém:

Excuse me, sir, but your wife is calling on line two — she says it’s urgent. (Desculpe interrompê-lo, senhor, mas a sua mulher está a na linha dois. Ela disse que é urgente.)

  • Ou ainda como uma frase de desculpas que precede uma partida:

Excuse me, dinner was superb but I have to leave. Tomorrow morning I have a doctor’s appointment. Thanks for hosting me. (Desculpe, o jantar estava maravilhoso, mas tenho que ir embora. Amanhã de manhã, tenho uma consulta no médico. Obrigado por me receber.)

Vejam só como o excuse me em inglês pode ser usado em tantas situações! Essa é a magia de aprender um novo idioma. Descobrimos a cada dia palavras, expressões e gramáticas novas. Por isso, façam sempre como o Rafa e não deixem de lado a empolgação e a disposição de aprender! Quando menos vocês esperarem, estarão falando inglês como sempre sonharam!

I hope you enjoyed being here with us! I’m pretty sure you’ll have dozens of opportunities to say Excuse me after knowing it all! That’s all for now, catch you later!

MELHORE O SEU INGLÊS!
BAIXE O APLICATIVO DA BABBEL

Artigos recomendados

Como usar os verbos auxiliares em inglês

Como usar os verbos auxiliares em inglês

É bem provável que, mesmo sem se dar conta, você já saiba falar bastante coisa em inglês. Agora, se o que você quer é melhorar seu domínio do idioma, não deixe de ler as dicas que apresentamos a seguir.
Conditional Love: domine o uso dos condicionais em inglês

Conditional Love: domine o uso dos condicionais em inglês

O uso dos condicionais em inglês pode confundir… veja como Rafa e Dani saem de uma enrascada linguística e amorosa no quarto episódio de Inglês que Cola!
ESCRITO POR Daniel Zerbetto
4 dicas de como melhorar o inglês

4 dicas de como melhorar o inglês

Você quer saber como melhorar o inglês? Aqui estão 4 dicas – entre séries, podcasts e livros – para praticar o seu idioma de acordo com o seu nível.
ESCRITO POR Daniel Zerbetto
Author Headshot
Daniel Zerbetto
Daniel Zerbetto é formado no mundo mágico das Letras & Literaturas. Sua especialização em Artes & Filosofia lhe tirou os pés do chão e abriu as portas da razão e imaginação. Enquanto viagens interplanetárias não são possíveis, ele se contenta em viajar entre os cinco continentes, aprendendo línguas e conhecendo pessoas. Já trabalhou como comissário de vôo e há mais de dez anos se dedica à educação, ministrando aulas de idiomas, literatura, artes, história da música e cinema. Recentemente, deixou sua amada Berlin para aprender italiano na imponente cidade de Turim, mas prometeu voltar em breve.
Daniel Zerbetto é formado no mundo mágico das Letras & Literaturas. Sua especialização em Artes & Filosofia lhe tirou os pés do chão e abriu as portas da razão e imaginação. Enquanto viagens interplanetárias não são possíveis, ele se contenta em viajar entre os cinco continentes, aprendendo línguas e conhecendo pessoas. Já trabalhou como comissário de vôo e há mais de dez anos se dedica à educação, ministrando aulas de idiomas, literatura, artes, história da música e cinema. Recentemente, deixou sua amada Berlin para aprender italiano na imponente cidade de Turim, mas prometeu voltar em breve.
Qual idioma você gostaria de aprender?