Floriografia, a linguagem das flores

Desde a época Vitoriana, as flores fascinam com seus significados secretos. Aqui, explicamos a floriografia, ou a linguagem das flores.
Author's Avatar
Floriografia, a linguagem das flores

As flores sempre tiveram um significado simbólico nas culturas de todo o mundo. Suas formas delicadas e cores chamativas, inspiraram milhões de pessoas a transmitir diversas mensagens por meio delas.

Essa obssessão com as flores e seus significados remete à Era Vitoriana, época conhecida pela floriogafia, ou a linguagem das flores. As classes mais altas e a burguesia vitoriana, absorvidas pela vaidade e com muito tempo livre, desenvolveram um conjunto complexo de significados secretos para as flores. Assim, elas não eram somente algo agradável de se ver, mas também um meio de entregar mensagens nada óbvias. Amor, desamor, avisos e até mesmo advertências e posições políticas eram afirmadas por meio das flores.

Na ilustração acima, explicamos um pouco da floriografia.

 

Aumente sua cultura!

Fale um novo idioma

Artigos recomendados

Histórias do Dia de São Valentim na Europa

Histórias do Dia de São Valentim na Europa

Feliz Dia dos Namorados! Descubra conosco cinco histórias incomuns do dia de São Valentim ao redor da Europa. E como você celebra o Dia dos Namorados?
ESCRITO POR Ray Pham
Uma declaração de amor aos idiomas

Uma declaração de amor aos idiomas

Aproveite o clima de romance do Dia dos Namorados para declarar seu amor por um idioma!
ESCRITO POR Katrin Sperling
Expressões francesas sobre o amor

Expressões francesas sobre o amor

Aproveite o Dia de São Valentim (Dia dos Namorados em muitos países do mundo) para demonstrar seu amor em francês com expressões da França, dos Camarões, do Canadá, do Haiti, do Senegal e de outros países.
Author Headshot
Valeria Castillo
Valeria nasceu em Bogotá e vive em Berlim desde 2010. Estudou jornalismo, meios e comunicação política. Ela curte viajar e conhecer cidades grandes e caóticas, e às vezes estranha o sol e as palmeiras caribenhas. É dona de duas gatas e passa seu tempo livre vendo filmes e costurando.
Valeria nasceu em Bogotá e vive em Berlim desde 2010. Estudou jornalismo, meios e comunicação política. Ela curte viajar e conhecer cidades grandes e caóticas, e às vezes estranha o sol e as palmeiras caribenhas. É dona de duas gatas e passa seu tempo livre vendo filmes e costurando.