Quais são as diferenças entre acento, altura, tom e tonicidade?

É sempre bom saber um pouco sobre os termos básicos relacionados à pronúncia do idioma. Esse conhecimento pode ajudá-lo a evitar erros no futuro.
Quais são as diferenças entre acento, altura, tom e tonicidade?

Quando uma pessoa diz: “Não fale nesse tom comigo”, ela realmente quer dizer: “Não fale nessa entonação comigo”.

Aprender um segundo idioma não costuma ser como aprender o primeiro. Provavelmente, você nem se lembra de como aprendeu sua língua materna — isso aconteceu naturalmente. Como é simples ser um bebê, não? Quando você já está na fase adulta e começa a aprender um idioma, precisa prestar bastante atenção a certos conceitos que podem ser confusos no início. Quatro tópicos que podem dar trabalho são acento, altura, tom e tonicidade.

Você já deve ter ouvido alguns desses termos antes e saber, mais ou menos, ao que eles se referem. Mas talvez você não tenha refletido muito sobre como eles funcionam quando você está falando um idioma. Aprender as funções do acento, da altura, do tom e da tonicidade ajuda bastante na hora de treinar a pronúncia do seu novo idioma. 

O que é o acento?

Para começar, vamos falar sobre o acento. Não estamos nos referindo aos acentos geográficos ou sotaques, onde as pessoas pronunciam as palavras de formas diferentes, dependendo da sua origem. Assim, como não estamos falando dos acentos gráficos como o agudo ou o circunflexo. Estamos falando dos acentos tônicos que estão relacionados aos fonemas que formam as sílabas. O acento tônico descreve como, em uma palavra, o foco é colocado em uma sílaba em particular para distingui-la das demais. Dependendo do idioma, o acento pode estar na ênfase (intensidade dada a uma sílaba), na altura ou em uma combinação de outras características vocais.

O que é a altura do som?

A altura do som diz respeito ao quão grave ou aguda sua voz é percebida. E  somente como ela é percebida (não necessariamente como ela é), pois  isso depende de como o ouvido capta  o som. Um som não é “agudo” ou “grave” por si só; ele pode ter uma frequência alta ou baixa, que o ouvido traduz em altura. ” Seria mais ou menos como se uma árvore caísse em uma floresta e ninguém estivesse por perto para ouvir, será que faria um som?  A resposta é não, porque o som só ocorre quando pode ser percebido. 

Alguns idiomas têm acento tonal, o que significa que uma sílaba é marcada por uma altura diferente. O japonês, norueguês, turco e sueco já foram classificados como idiomas de acento tonal. Alguns linguistas consideram que os idiomas de acento tonal são apenas variantes mal definidas das línguas tonais, porém há linguistas que afirmam que esses idiomas pertencem a uma classe própria.

Todos os idiomas usam altura para entonação, o que geralmente é a subida ou a queda da voz de uma pessoa. Quando você faz uma pergunta em português, por exemplo, você costuma subir o tom um pouco no final da frase para marcar a interrogação. É a diferença entre “Vamos para o parque.” e “Vamos para o parque?”. Esse é um exemplo óbvio, mas a entonação é usada constantemente, em vários casos. Uma frase sem entonação alguma soaria sem vida, totalmente monótona.

O que é tom?

O tom se refere especificamente a idiomas que usam a altura para diferenciar palavras. Apesar de similares, tom e entonação não são a mesma coisa. A entonação usa a altura para mudar o sentido da frase; o tom usa a altura em todas as palavras. Em inglês, por exemplo, não importa qual altura você usa para dizer uma palavra: ela sempre terá o mesmo sentido. Já nas línguas tonais, o sentido da palavra muda conforme a altura.

Se você estiver aprendendo uma língua tonal, provavelmente não será difícil entender isso. É parte central do processo de fala. Entre outras, são línguas tonais as diversas variantes do chinês, tailandês, igbo, iorubá, panjábi e navajo.

O que é a tonicidade?

A tonicidade (ou acento de palavra) se refere à sílaba que tem mais proeminência em uma palavra, a sílaba tônica. Ela ocorre por meio de uma mistura da intensidade, extensão e, claro, altura da sílaba. A tonicidade na palavra “amar”, por exemplo, está na última sílaba, “mar”.

A tonicidade varia conforme o idioma. No inglês, por exemplo, a tonicidade das palavras é variável e, por isso, imprevisível. Para quem está aprendendo inglês, isso representa um grande desafio, pois você precisa aprender a pronúncia de cada palavra, uma por uma. A tonicidade é mais previsível no espanhol, já que esta costuma ser expressada visualmente pela acentuação gráfica. E há línguas como o finlandês e o húngaro, cuja tonicidade quase sempre cai na mesma sílaba (primeira, segunda, última etc.).

Se você estiver aprendendo um idioma, pode ser muito útil aprender a determinar desde o início como funcionam a altura, o tom e a tonicidade . Em vez de passar os primeiros meses tentando adivinhar onde a tonicidade ocorre ou como a altura funciona, você pode primeiro tentar  entender algumas regras e acelerar a aprendizagem. 

Tire de letra a altura, entonação e a tonicidade em seu novo idioma para falar com mais confiança e fluência!

Você gostaria de explorar mais o inglês? Clique no botão abaixo e inicie sua jornada.
Author Headshot
Thomas Moore Devlin
Thomas cresceu na suburbana Massachusetts, e se mudou para Nova York para fazer faculdade. Ele estudou Literatura Inglesa e Linguística na Universidade de Nova York, mas passou grande parte do seu tempo trabalhando em um jornal de estudantes. Por causa disso, ele tem opiniões duras sobre o guia de estilo da AP. No seu tempo livre, ele gosta de ler e às vezes se irrita com algumas coisas no twitter. Ele também passou muito tempo tentando aprender espanhol e sabe um pouquinho de alemão.
Thomas cresceu na suburbana Massachusetts, e se mudou para Nova York para fazer faculdade. Ele estudou Literatura Inglesa e Linguística na Universidade de Nova York, mas passou grande parte do seu tempo trabalhando em um jornal de estudantes. Por causa disso, ele tem opiniões duras sobre o guia de estilo da AP. No seu tempo livre, ele gosta de ler e às vezes se irrita com algumas coisas no twitter. Ele também passou muito tempo tentando aprender espanhol e sabe um pouquinho de alemão.

Artigos recomendados

As 6 línguas mais fáceis de aprender se você já fala português

As 6 línguas mais fáceis de aprender se você já fala português

Vocabulário, gramática e ortografia: você já tem uma boa parte do caminho andado para essas línguas. Neste artigo, nossa colaboradora Ana Freitas lista quais idiomas são mais fáceis para aprender se você já fala português.
Escrito Por Ana Freitas
4 motivos pelos quais 10 milhões de pessoas decidiram aprender um novo idioma com a Babbel

4 motivos pelos quais 10 milhões de pessoas decidiram aprender um novo idioma com a Babbel

Em 2020, a Babbel atingiu o número de 10 milhões de assinantes! Aqui estão 4 razões porque tantas pessoas escolheram a Babbel para aprender um idioma.
Escrito Por Lili Steffen
Os 10 idiomas mais falados no mundo

Os 10 idiomas mais falados no mundo

Quase metade da população mundial fala apenas um dos 10 idiomas como língua nativa. Então, qual é o top 10? Você pode se surpreender!
Escrito Por James Lane