São Petersburgo em um final de semana: conheça algumas atrações da segunda maior cidade da Rússia

A Rússia tem muitas opções de destinos, e uma delas é São Petersburgo. Nossa colaboradora Flávia fez um miniguia da cidade, para quem está com o tempo limitado na viagem por lá.
Author's Avatar
São Petersburgo em um final de semana: conheça algumas atrações da segunda maior cidade da Rússia

São Petersburgo foi a capital imperial da Rússia por mais de dois séculos, e a herança czarista é evidente na arquitetura e nas atrações da cidade. Tons pastéis e estilo barroco tomam conta das fachadas dos prédios. A estética tão peculiar que a cidade inteira parece ter saído de um filme do Wes Anderson. Repleta de canais, músicos de rua e com um charme europeu, a segunda maior cidade da Rússia apresenta diversas opções de gastronomia e incontáveis opções culturais. Confira algumas dicas de como aproveitar mais da cidade (que já se chamou Leningrado) em pouco tempo.

Noites Brancas

Uma curiosidade interessante sobre a cidade são as noites brancas, um fenômeno que acontece por lá no verão e dá nome a um dos contos do autor russo Fiódor Dostoiévski – que foi adaptado para o cinema em 1957, estrelado por Marcelo Mastroiani e dirigido por Luchino Visconti –, e também a um filme americano estrelado pelo famoso bailarino russo Mikhail Baryshnikov em 1985. A localização ao norte do globo terrestre faz com que a cidade tenha noites bastante claras entre maio e julho, o que confere um charme único à cidade. Durante este tempo, os dias são bem mais longos e o sol parece nunca se pôr totalmente, o que torna a atmosfera local ainda mais convidativa a aproveitar ainda mais tudo o que a cidade tem a oferecer durante a noite.

Museu Hermitage

O Palácio de Inverno, que é um dos prédios onde está localizado o Museu Hermitage, foi a residência dos Czares até 1917, quando aconteceu a queda da monarquia com a Revolução Russa. Acho que pela primeira vez me interessei muito mais pela arquitetura de um museu do que pelas obras contidas nele. O Hermitage é provavelmente um dos museus mais bonitos que você vai ver na sua vida, com seu conjunto de prédios interligados. Isso fez com que eu circulasse sem a minha preocupação natural de observar todas as obras, mas, sim, prestando atenção a todos os detalhes da construção. A coleção é grande e o prédio também. Por isso, recomendo uma visita mais focada. Pesquisar as obras que você deseja ver, e onde elas estão localizadas podem fazer toda a diferença na sua visita, a não ser que você pretenda visitar o local mais de um dia.

Museu Hermitage

Café Literário

Se você deseja provar a culinária tradicional russa em um local cheio de história, não deixe de experimentar os pratos deste restaurante, que era frequentado por figuras importantes da cena cultural russa do século XVIII, como os compositores Chaliapin e Tchaikovsky, assim como jornalistas e escritores. O restaurante é particularmente famoso por ter sido o local onde o poeta Alexander Pushkin tomou a sua última bebida antes de partir para o duelo que tiraria a sua vida. Para experimentar alguns dos pratos locais, peça pelmeni (bolinhos de massa que podem ser recheados com carne de porco, vaca ou diversos outros tipos), a sopa borsht (de beterraba) de entrada e os blini (panquecas que podem ser acompanhadas com caviar ou salmão, entre outros acompanhamentos).

Stroganoff Steak House

Outra opção para um jantar com estilo na cidade é esta steak house, que oferece os mais diversos tipos de corte, com carnes do mundo todo. Ele faz parte da rede de restaurantes Stroganoff, que possui outras casas especializadas em outros tipos de comida. Nesta filial, as carnes são a protagonista, e lá é possível provar desde o tradicional receita do estrogonofe russo (Beef Stroganoff), até cortes de carne russas.

Café Singer e a Casa dos Livros

O Café Singer está localizado em um dos prédios históricos de São Petersburgo, que pertencia à fábrica de máquinas de costura Singer. Apesar do cardápio não muito grande e com opções mais internacionais, uma passada no local é justificada pelo prédio, de arquitetura art nouveau, a vista da Catedral de Cazã e também pela charmosa livraria que fica embaixo do café, a Casa dos Livros. Além disso, ele fica bem perto da igreja ortodoxa mais famosa de São Petersburgo, a Catedral do Sangue Derramado.

Teatro Mariinsky

Este teatro foi uma das principais casas da Rússia até a capital do país ser deslocada para Moscou. Ele me pareceu um pouco menor que o Bolshoi, em Moscou, mas é tão bonito quanto. São diversos os espetáculos que podem ser vistos neste teatro, e com antecedência e planejamento, é possível conseguir ingressos mais baratos. Por isso, pesquise os espetáculos e horários antes de ir e prepare-se para uma das experiências mais legais em São Petersburgo.

teatro mariinsky

Peterhof Palace

O “versailles russo” foi construído a pedido de Pedro, o Grande, um dos maiores Czares da história da Rússia, e está localizado a aproximadamente 1 hora de carro ou 2 horas de trem da cidade de São Petersburgo. Formado por diversos palácios e jardins, Peterhof merece que você reserve um dia de viagem. Destaque para a grande cascata central e suas estátuas douradas. Se estiver com tempo, ande até o píer e aproveite todos os outros palácios e museus localizados ao longo do jardim.

Peterhof Palace

QUER APRENDER RUSSO?
BAIXE O APLICATIVO DA BABBEL
Qual idioma você gostaria de aprender?