Babbel Logo

Comece a falar um novo idioma agora. Experimente de graça!

Como sobreviver a uma ressaca em diferentes países

Você gosta de viajar? Você gosta de beber um pouco? Você está meio alto nesse momento? Se a resposta para as duas primeiras perguntas foi sim, então continue a ler. Se você já passou da ponto, olhe somente as imagens.
Author's Avatar
ESCRITO POR James Lane
Como sobreviver a uma ressaca em diferentes países

Se você gosta de viajar e beber um pouco, você provavelmente já passou – ou ainda vai passar – por uma bela ressaca em um país estrangeiro. Ressacas não fazem qualquer tipo de discriminação: não interessa se você está bebendo um merlot Napa Valley, uma deliciosa cerveja belga ou um vinho de arroz vietnamita (embora o último, com certeza, causará a pior dor de cabeça de todos os tempos). A dor causada pela ressaca é uma das piores que você pode ter e isso sem falar da ressaca moral no dia seguinte…

Enquanto dores de cabeça latejantes e estômagos delicados são universais, os caminhos para falar sobre ressaca nas diferentes culturas são consideravelmente variados. Tenha em mente o sábio conselho do comediante norte-americano Robert Benchley – que diz que a única cura para uma ressaca é a morte. Aqui vai um pequeno guia para ajudá-lo a expressar sua dor e fazer algo para amenizá-la.

Estados Unidos

O que dizer

Alguns gemidos deveriam ser o suficiente para você entender a mensagem… No início, o termo hang-over não tinha qualquer relação com o álcool. O dicionário de inglês Oxford indica que em 1894 a palavra tinha o significado de algo que sobrou, resíduo, resto. Dez anos mais tarde, no The Foolish Dictionary de Gideon Wurdz, a palavra foi definida como “o efeito depois do consumo de álcool”.
Nota interessante: a palavra groogy (grogue) era o sinônimo de bêbado, o resultado de beber muito grog (um rum aguado), que era usado para pagar os marinheiros.

O que fazer

Como soa para você uma mistura feita com ovo cru, salsicha Worcestershire, pimenta-do-reino e suco de tomate? Eis aqui a receita do Prairie Oyster. E você que achava que o grog era difícil de engolir…

Alemanha

O que dizer

Ich habe einen Kater. Os alemães têm um Kater (gato) depois de uma noitada. A expressão vem, provavelmente, de Katarrh (catarro), sintoma de algumas doenças. Katzenjammer, que literalmente corresponde ao “lamento do gato”, é engraçado, mas raramente usado.

O que fazer

Você certamente precisa de um Katerfrühstück (um café da manhã de ressaca) para suportar o mal-estar. Isso deve incluir Rollmops, um filé de arenque em conserva enrolado com pepinos também em conserva, cebolas e azeitonas verdes. Eletrólitos também são importantes. E se você é adepto da teoria do “hair of the dog” e quer curar o mal com o próprio mal, tente uma Konterbier (uma contra-cerveja).

Nota: a expressão “hair of dog” vem de “hair of the dog that bit me”, literalmente “o pelo do cachorro que me mordeu” e se refere à prática de usar bebidas alcóolicas para curar uma ressaca.

Irlanda

O que dizer

Tá póitín orm” é uma maneira de dizer ressaca em irlandês moderno (literalmente “há uma pequena bebedeira em mim”). A expressão não deveria (ou talvez deveria) ser confundida com poitín, uma bebida irlandesa que é provavelmente a maior responsável pelo seu em desconforto.
Brown bottle flu (a gripe da garrafa marrom), in Lego™ (estar em pedaços – como um Lego™) ou uma inexplicable headache (uma dor de cabeça inexplicável; os irlandeses adoram ironia) são também expressões boas para fazer-se entender. Você também pode descrever seu mal falando da Irish flu (a gripe irlandesa) mas talvez seja aconselhável não fazer isso na Irlanda, a não ser que você seja irlandês.

O que fazer

Você pode fazer como diz o provérbio irlandês “leigheas na póite a hól arís” (“a cura para a ressaca é beber novamente”), mas se você não é um tipo “hair of dog”, um café da manhã irlandês completo é o caminho a seguir. Bacon, salsichas, pudim branco e preto, cogumelos, tomate frito, ovos fritos, feijões cozidos e, é claro, pão de soda. Você pode combinar tudo isso com um mergulho rápido no Atlântico para um resultado garantido. Haja estômago!

Rússia

O que dizer

У меня похмелье (U menya pokhmelje): uma ressaca russa, pokhmel’je, significa literalmente “depois de estar bêbado”, muitos russos reclamam que se você bebe vodca do jeito certo, você não vai ficar de ressaca. Сушняк (Sooshnyak) é a sensação de ter a boca seca como em um deserto.

O que fazer

Isto requer um certo preparo. Pegue pão de centeio ou pão preto seco e deixe de molho em açúcar e fermento até que ele forme uma bebida ligeiramente alcóolica chamada kvas. Beba isso e/ou simplesmente vomite, e divirta-se! Se não funcionar, tente misturar salmoura com suco de tomate ou vá para a sauna para um momento de autoflagelação com ramos de bétula e um suadouro curador.

França

O que dizer

J’ai la gueule de bois – “Eu tenho uma boca de madeira” . Normalmente, isso acontece quando você bebe como uma esponja, boire comme un trou. Se você passar por essa situação, diga aos seus carrascos j’ai les dents du fond qui baignent – que literalmente significa “meus dentes de trás estão de molho”, expressão também usada quando você abusou da comida – e talvez eles sintam pena de você.

O que fazer

Recomenda-se cassoulet (uma espécie de molho de feijão com salsicha) ou sopa de cebola. Ter amigos franceses (que não estejam de ressaca) dispostos a cozinhar para você é, sem dúvida, uma vantagem.

Itália

O que dizer

Ho i postumi della sbornia. Uma ressaca é postumi della sbornia, ou sofrer “as sequelas póstumas da bebedeira”. Nem todos vocês irão ouvir um italiano dizer isso – pois nem todos os italianos ficam bêbados (ou pelo menos eles nunca parecem estar bêbados).

O que fazer

Tome um expresso duplo e bola para frente!

México

O que dizer

Estoy crudo… Você acordou sentindo-se um pouco cruda (“crua”), esta manhã? Outros países da América Central usam goma (“borracha”) e se você se estiver no sul da Colômbia, você pode descrever sua ressaca como “tenho uma goiabeira”, “tengo guayabo”.

O que fazer

Desafie o seu estômago com um camarão mexicano e uma salada de mariscos. Uma combinação de limão, cebola e coentro, vuelva a la vida, o trará de volta à vida.

BÔNUS

Japão

O que dizer

*** 二日酔いしてる!(Futsuka-yoi shiteru)***. Os japoneses consideram uma ressaca um futsuka-yoi, “dois dias bêbados”. Se saque e karaokê estão envolvidos, você poderá precisar de frases japonesas adicionais relacionadas à bebida (aqui traduzidas em inglês).

O que fazer

Você será aconselhado a comer umeboshi. Essas ameixas salgadas em conserva são tão fortes que, às vezes, são embebidas em chá verde. Uma bebida energética (ou três) – é também ótima para reidratação – e sopa de missô pode ser também uma boa pedida.

Quer aprender um novo idioma?

Comece agora com Babbel

Artigos recomendados

13 passos para se mexicanizar

13 passos para se mexicanizar

Você gostaria de usar sombreros, beber tequila e comer tacos e burritos todos os dias? Esqueça os estereótipos e dê uma olhada nessas maneiras divertidas de se “mexicanizar”.
ESCRITO POR Héctor Vargas
10 passos para se “italianizar”

10 passos para se “italianizar”

Nós sabemos que não basta falar “mamma mia” para se tornar um verdadeiro italiano. Clichês à parte, este guia compilado por nossa editora italiana Giulia promete tornar qualquer um de nós um perfeito italiano.
ESCRITO POR Giulia Depentor
8 palavras de 8 idiomas diferentes que não podem ser traduzidas

8 palavras de 8 idiomas diferentes que não podem ser traduzidas

Todo idioma possui palavras típicas, que não existem nenhum outro idioma. Aqui estão as nossas oito preferidas, que desafiam a tradução.
Author Headshot
James Lane
James Lane cresceu em Sydney, na Austrália. Ele trabalhou como produtor de teatro independente, cineasta e professor em Hanói e em Berlim. Além disso, escreveu para publicações como NPR Berlin, The Newer York Press, ExBerliner e para a Babbel sobre temas como linguagem e cultura. Atualmente James vive em Delhi, onde trabalha com crianças carentes para lidar com assuntos sobre o meio-ambiente usando filmes, rádio e narração de histórias.
James Lane cresceu em Sydney, na Austrália. Ele trabalhou como produtor de teatro independente, cineasta e professor em Hanói e em Berlim. Além disso, escreveu para publicações como NPR Berlin, The Newer York Press, ExBerliner e para a Babbel sobre temas como linguagem e cultura. Atualmente James vive em Delhi, onde trabalha com crianças carentes para lidar com assuntos sobre o meio-ambiente usando filmes, rádio e narração de histórias.

Qual idioma você gostaria de aprender?

Qual idioma você gostaria de aprender?