5 maneiras como aprender um idioma pode fazer você mais feliz

Todos procuramos pela felicidade, e segundo a psicologia, aprender um novo idioma pode fazer esse caminho mais fácil. Veja aqui 5 maneiras como aprender um novo idioma pode melhorar o seu estado de espírito.
Author's Avatar
ESCRITO POR Dylan Lyons
5 maneiras como aprender um idioma pode fazer você mais feliz

Você já se perguntou como ser mais feliz? Dalai Lama já disse: “A felicidade não é algo pronto. Ela vem de suas próprias ações”. Exato. Para encontrar a felicidade, temos que nos esforçar. E, uma das formas de fazer isso, é continuar aprendendo. Alguns estudos mostraram que aprender coisas novas pode melhorar nossa qualidade de vida, e em especial, aprender um idioma pode ter efeitos incríveis em nosso estado de espírito.

Veja aqui, cinco formas como aprender idiomas pode fazer você mais feliz:

1. O aprendizado na vida adulta pode melhorar sua autoestima

Aprender não é um processo que termina quando você se forma, muito pelo contrário, aprender e crescer ao longo da vida é parte crucial do desenvolvimento humano. Além do mais, nos faz felizes. Uma revisão de múltiplos estudos realizada por pesquisadores da Universidade de Cambridge encontrou evidências sólidas de que o aprendizado quando somos adultos tem um impacto positivo na autoestima e produtividade.

Uma análise do Instituto de Estudos de Emprego (Institute for Employment Studies) na Inglaterra determinou que 80% dos estudantes entre 50 e 71 anos mostraram ter um impacto positivo em ao menos um destes aspectos:

  • Aproveitar a vida
  • Confiança em si
  • Sentimentos positivos em relação a si
  • Satisfação em outras áreas da vida
  • Capacidade de enfrentar os problemas cotidianos

2. Aprender novas palavras é como comer chocolate

O que aprender um idioma tem em comum com sexo e chocolate? Alguns estudos demonstraram que aprender com sucesso o significado de novas palavras ao estudar um idioma estrangeiro ativa uma parte do cérebro chamada de estriado ventral, onde se produz o processamento das recompensas emocionais. Essa região, também conhecida como o centro de prazer do cérebro, é ativada também quando temos relações sexuais, quando ganhamos uma aposta ou quando comemos um pedaço de chocolate. Em poucas palavras, essas atividades fazem bem para você. E, aprender um novo idioma é muito menos arriscado do que apostar!

3. Realizar seus objetivos aumenta seu bem-estar

Você já teve a satisfação de finalmente completar alguma tarefa pendente da sua lista? Realizar objetivos a que nos propomos nos faz felizes, e aprender um novo idioma é, sem dúvida, um objetivo digno de se alcançar.

A forma como nosso “bem-estar subjetivo” (nossos níveis pessoais de felicidade e satisfação com a vida) e a busca por nossos objetivos interage é cíclica. Essencialmente, quando progredimos com nossos objetivos, nosso bem-estar subjetivo aumenta. Esse aumento na felicidade nos motiva a continuar trabalhando para alcançarmos nossos objetivos, o que nos faz felizes, e assim sucessivamente.

4. Aprender ajuda você a entrar “na zona”

Definido pelo psicólogo Mihaly Csikszentmihalyi, o conceito de “fluxo”, também conhecido como “a zona”, é o que sucede “quando você se envolve completamente no atraente processo de criar algo novo”. Em outras palavras, quando digo que você está “na zona”, me refiro a quando você se concentra completamente em uma tarefa, e, portanto, se desconecta de qualquer fator externo. Csikszentmihalyi disse que estar em “fluxo” permite se esquecer das preocupações externas (como problemas com o seu parceiro/a) e de preocupações internas (como fome ou cansaço). Este momento de êxtase e de total atenção poderia ser a chave para aumentar a felicidade em nossa vida cotidiana.

E o que tem isso a ver com o aprendizado de idiomas? Bom, uma das formas de alcançar esse estado é treinando a nossa mente com a aprendizagem constante de novas habilidades.

5. As interações sociais são fonte de alegria

Nós, seres humanos, somos animais sociais. Nossas conexões interpessoais são extremamente importantes para nosso sentido de pertencimento, e nossa felicidade em geral. Falar mais de um idioma aumenta a nossa capacidade de conhecer pessoas, aumentamos nosso círculo de amizades quando incluímos no grupo quem não fala português. Um segundo idioma nos permite interagir com novas pessoas mesmo em nossa cidade, e claro, também quando viajamos para o exterior. Essa interação social não só nos faz felizes, como também impulsiona nossa autoestima ao reforçar a ideia de que podemos aprender com êxito uma nova habilidade e ainda colocá-la em prática.

APRENDA UM NOVO IDIOMA, SEJA MAIS FELIZ
COMECE AGORA COM A BABBEL
Qual idioma você gostaria de aprender?