Namorando em inglês: o que você precisa saber

Está difícil desenrolar uma história com o crush? Você quer ter sorte no amor além-mar? Veja algumas dicas para quem está namorando (ou tentando namorar) em inglês.
Author's Avatar
Namorando em inglês: o que você precisa saber

Ilustrado por Zamir Bermeo

A gente tem na revista em inglês da Babbel uma série que se chama “How to flirt with ___” (Como flertar com ___) com diversas nacionalidades (já já vamos traduzi-la para o português!), e isso inspirou este artigo. Pensando aqui na minha vida na Alemanha, e como eu geralmente me relaciono em inglês, achei interessante pesquisar as palavras que usamos na paquera, ou na hora de conquistar o crush.

Eu creio que, se você for viajar para qualquer lugar, a comunicação com as pessoas estrangeiras muitas vezes vai ser em inglês. Neste artigo, eu apresento algumas particularidades do inglês que me deixaram confusa em alguns momentos, apesar de eu já dominar bem o idioma. Talvez o segredo delas não esteja tanto nas palavras em si, mas na descoberta de uma nova cultura. E, vale lembrar, que nem sempre essas explicações são válidas para todas as nacionalidades.

1. O ruim às vezes é bom

Nem sempre quando as pessoas falam que algo “não está mal” significa que elas estão sendo pessimistas. Eu cheguei a comentar em um outro texto aqui que um not bad pode significar algo bom, pode ser um elogio. Ao longo dos anos, eu aprendi que entusiasmo geralmente é uma coisa que nós no Brasil temos a tendência de expressar bem mais que outras nacionalidades, então na hora do elogio, não se assuste se a outra pessoa soltar apenas um the dinner was not bad”.

2. We are together vs. We are together today/tonight/in this party

Como comunicar a situação do casal? Ou do novo casal? Ou do par que ainda não é um casal?

Pois é, em inglês isso também não é fácil. Os nomes clássicos para namorado ou namorada é boyfriend ou girlfriend, mas o que complica nessa hora é a palavra date e dating. O conceito de date pode ser um pouco confuso, já que em um date você pode ou não interagir fisicamente. Eu pensava que poderia ser o ficar do Brasil, mas o date pode não levar a nada, ou seja, você sai junto com a pessoa mas no fim não fica com ela ou nem dá mais continuidade à relação. Se fôssemos traduzir ao pé da letra isso seria um encontro, sem muito comprometimento. Ou o famoso “estamos nos conhecendo”.

Vocabulário:

He is my boyfriend: Ele é meu namorado.
She is my girlfriend: Ela é minha namorada.
We are dating: Pode ser tanto que vocês namoram como também aquela fase “ficante” que não necessariamente é séria ou vai dar em algo sério.
He/she is my date:  Ele/Ela é o seu/sua acompanhante na noite. Isso não significa que vocês tenham algo sério.
We dated: Significa que vocês namoraram ou ficaram juntos por um tempo.
Date: encontro.

P.S.: Em alemão, essa indefinição na verdade fica bem mais evidente, já que o idioma nem tem uma palavra para namorado ou namorar. Então na hora de falar se vocês estão juntos-juntos ou só se pegando ali no momento, o uso do advérbio de tempo é essencial:

Vocabulário:

Wir sind heute zusammen: Estamos juntos hoje, mas amanhã não se sabe.
Wir sind zusammen: Estamos juntos = namorando.

E na hora de falar quem é o namorado/namorada, o pronome possessivo é que dá o recado. Antes do substantivo ter  mein/meine significa já que a pessoa tem uma relação com você:

Er ist mein Freund: Ele é meu namorado.
Sie ist meine Freundin: Ela é minha namorada.

Diferente do ein Freund von mir/eine Freundin von mir que significa um amigo meu/uma amiga minha.

3. Crush, Date, Boyfriend, Partner, Husband, I don’t know what’s going on anymore

Existem diversos tipos de relacionamentos, e claro, em inglês alguns nomes vêm a tiracolo:

Vocabulário:

Crush: como adotamos também nas gírias em português, aquela pessoa com quem você não tem nada e nunca teve, mas você tem uma “queda” por ela, ou seja, você “pegaria fácil”.
Date: alguém que você sai mas que pode ou não ter alguma interação física, if you know what I mean.
Boyfriend/Girlfriend: Namorado/Namorada. Amigx, rolou, estão em um relacionamento.
Partner: muita gente gosta de usar esse termo em vez de husband ou wife, já que está subentendido que você mora com a pessoa e não interessa muito se são casados no papel ou não.
Husband/Wife: Marido e esposa. Terminologias clássicas para pessoas casadas de papel passado.
I don’t know what’s going on anymore: então, até em inglês o pessoal fica perdido de vez em quando. Aquela situação indefinida, que não virou ghosting nem orbiting, como vou dizer no próximo ponto.

ghosting

4. Ghosting, Orbiting, Love bombing

Eu conheci esses termos depois de vir morar na Alemanha, mas acho que eles são válidos para todos os lugares. O ghosting é o nosso famoso perdido, aquela pessoa com quem você saiu por um tempo e, por alguma razão, as mensagens não foram respondidas por uma das partes… um sumidão, que por favor não confundam com o sumidão mútuo, onde ambas as partes simplesmente não se procuram e fica aquele acordo subentendido de que não rolou.

Orbiting é o mais novo termo para aquele ex ou contatinho que fica sempre olhando e interagindo nas redes sociais, mas nunca de fato chama você para sair ou fazer alguma coisa. Fica ali, literalmente só na órbita dos seus perfis.

Love bombing é aquele famoso conto. Você conheceu a pessoa. Foi magia e explosão, essa pessoa elogiava tudo, amava, adorava, mas… só por 1 mês. Lamento informar, mas você foi vítima de uma bomba de amor, ou love-bombAntes de dar um ghosting, o ser humano encheu sua bola até a lua. Minha avó sempre dizia, “quando a esmola é demais, o santo desconfia”.

5. Getting dumped, being dumped, dump someone

Dar o fora ou levar o fora. Já deve ter acontecido com você ou você fez com alguém. Simples assim.

6. I like you, I really like you, I like spending time with you, I love you

Não é fácil se declarar para alguém em nenhum idioma. Essa é uma situação que envolve diversas inseguranças e receios, mas ainda assim temos aquele frio na barriga e quando o amor é correspondido, é uma maravilha.

Em inglês, antes da declaração apaixonada, o idioma não permite muitos floreios, e como a nossa editora norte-americana Claire afirmou: “O problema do inglês é que uma vez que você passa da limitação de dizer ‘eu te amo’, você daí consegue dizer várias coisas legais, mas antes disso, tudo é basicamente estático.”

Isso se comprova justamente com o fato de que, se você está saindo com alguém mas ainda não sentiu que é o momento certo para falar as três palavrinhas mágicas, o que resta dizer é um I like you ou, no melhor dos casos, um I really like you.

Depois, qualquer variação vale: I like spending time with you, I think you are very special, You brighten my day, I love you from here to the moon… be creative!

 

FALE BEM INGLÊS E TENHA SORTE NO AMOR!
COMECE AGORA COM A BABBEL
Qual idioma você gostaria de aprender?